quarta-feira, 27 de abril de 2011

Ibovespa para 27/04/2011



Ao fechar em alta de 0,90% no pregão de ontem, o S&P500 não só cancelou o até então "possível topo" (deixado pelo candle de segunda-feira), como rompeu a máxima do ano, atingindo o objetivo inicial da Projeção de Fibonacci (em verde). O que temos agora é a busca pelo objetivo final, na casa dos 1.450 pontos. Com isso, o cenário desenhado para o pregão dessa quarta-feira é de continuidade da alta.

Não há pontos de pressão que sejam significantes para hoje, com suporte e resistência ainda longe do atual "preço".

Analisando o Ibovespa:

Com o IBOV descolado do mercado americano (que rompeu suas resistências imediadas), o pregão de ontem  não definiu tendência, ao fechar praticamente na máxima de segunda-feira (que foi o candlle que marcaria um provável topo).

Essa situação deixa o cenário bem parecido com o de ontem, precisando fechar rompendo um dos extremos da terça (67.413 como resistência e 67.144 como suporte), quando teremos definição do provável caminho para os próximos pregões. 


Se lá fora continuar puxando, é bem provável que iremos no vácuo.

Olhando para os indicadores, tanto o meu IE quanto o H-MACD seguem alinhados com o movimento de alta, iniciado (marcado) pelo fundo de 18/04. Volume ainda segue baixo, mas melhor do que foi apresentado na segunda-feira.

Por fim, vejo o cenário interno novamente como neutro, mas com viés positivo (puxado pelo mercado externo).
.